Feira de São João começa amanhã

A Feira de São João deste ano tem o seu inicio, amanhã dia 21 de Junho, com uma Corrida Concurso de Ganadarias...

Triunfo de Tiago Pamplona e Sérgio Aguilar no Festival de Beneficência

Há já algum tempo que não tinha o prazer de tomar notas numa corrida de toiros...

Comunicado - Grupo de Forcados Amadores do Ramo Grande - Feira de São João 2015

"O Grupo de Forcados de Amadores do Ramo Grande anuncia que não pegará no Concurso de Ganadarias da Feira de São João 2015 "

setembro 29, 2008

Equitação de Setembro/Outubro

Resultado da Sondagem - Qual foi o espectáculo do ano?


O Blog Terceira Taurina iniciou mais uma vez o seu ciclo de sondagens para eleger os triunfadores da temporada taurina açoriana de 2008. Na primeira sondagem, realizada sob o titulo “Qual foi o espectáculo do ano?" saiu vencedor o espectáculo inserido nas Festas da Praia 2008 com 20 votos seguido pela Corrida dos 35 Anos dos Amadores da T.T.T com 15 votos e pela 2ª Corrida da Feira de São João com 9 votos. A sondagem esteve disponível durante sete dias, tendo votado 75 visitantes que distribuíram os seus votos da seguinte forma:


II Corrida da Praia - 20 votos

Corrida dos 35 Anos T.T.T. - 15 votos

2ª Corrida das Sanjoaninas - 9 votos

4ª Corrida das Sanjoaninas - 7 votos

1ª Corrida das Sanjoaninas - 6 votos

2ª Corrida da Graciosa - 5 votos

II Corrida do Emigrante - 4 votos

Tourada dos Estudantes - 3 votos

Festival Luís Fagundes - 3 votos

3ª Corrida das Sanjoaninas -2 votos

Festival do Porto Judeu - 1 voto

Tourada das Crianças - 0

1ª Corrida de São Jorge - 0

2ª Corrida de São Jorge - 0

1ª Corrida da Graciosa - 0

II Corrida da Praia saiu vencedora

A II Corrida da Praia inserida nas festas da Praia 2008 foi considerada pelos visitantes do TT como o espectáculo do ano na temporada taurina açoriana de 2008.
O cartel desta corrida era composto pelos cavaleiros Rui Fernandes, Tiago Pamplona e Rui Lopes, na lide a pé esteve o matador Sanchez Vara, os toiros pertenceram às ganadarias de Rego Botelho (3), Casa Agrícola José Albino Fernandes (2) e Irmãos Toste (2). As pegas foram executadas pelos Amadores da Tertúlia Tauromáquica Terceirense e pelos Amadores do Ramo Grande.
Deixo-vos aqui os links às crónicas desta corrida.

Veja o Tendido Cero de Sábado - Vale a pena

setembro 27, 2008

Festa Brava de 27 de Setembro

setembro 26, 2008

Novilhada em directo no canal Andalucia TV


Domingo 28 de Setembro
Praça de Toiros de Montoro (Córdoba), novilhada da nona edição do Encontro Andaluz de Escolas de Tauromaquia.
Erales da ganaderia de Gavira para os novilheiros Gonzalo Montoya, Cayetano Ortiz, Fran Gómez, Javier Jiménez, Antonio Jesús Espaliú e Juan el Álamo. Os comentarios estarão a cargo de Enrique Romero e do maestro Francisco Ruiz Miguel. Uma novilhada a não perder.

setembro 23, 2008

"NOS AÇORES, MAIS CORRIDAS? Inúmeras questões a equacionar e a resolver ! "

Publico com a devida vénia o artigo do crítico tauromáquico Mário Rodrigues, publicado ontem, 22 de Setembro, no jornal aUnião.

"Três dias antes da efectiva realização da Corrida dos 35 anos do Grupo de Forcados Amadores da Tertúlia Tauromáquica Terceirense, Adalberto Belerique expressava o desejo de ver mais alargado o conteúdo da temporada açoriana já que o actual número de corridas e festivais não é suficiente para manter o nível do Grupo.
Na entrevista a “Diário Insular”, Adalberto Belerique diz textualmente:” Sim, penso que era importante existirem mais corridas. Não é fácil mantermos o nível que temos tido com o número de corridas que existem na Região. Era importante que se começasse a realizar corridas de toiros em mais algumas ilhas” (fim de citação).
Com efeito, a declaração do Cabo dos Amadores da TTT reflecte apreensão quanto à manutenção da qualidade e entusiasmo dos elementos do Grupo num universo onde apenas podem pegar, no máximo, doze corridas ( esta temporada foram 7 Corridas, 1 Festival e 1 Corrida em Lisboa), tanto mais que, agora, o total dos eventos tem de ser dividido com os Amadores do Ramo Grande. Por outro lado, a proliferação de grupos de forcados no Continente inviabiliza, cada vez mais, as idas lá fora, mesmo que a deslocação seja ao Campo Pequeno, como sucedeu em 2007 e 2008.
A verdade é que, mais que a qualidade, as distâncias e os lobbies ditam leis !
A solução para o Grupo dos Amadores da TTT, como o será para os Amadores do Ramo Grande, está no alargamento da temporada açoriana mas...como...quando...onde...com quê ?
Será que a aficion da Graciosa, de S. Jorge e da Terceira, ilhas onde existem praças fixas, comporta maior número de espectáculos ? Em que moldes financeiros ? Em que datas ? Que qualidade de artistas e toiros ? Começar mais cedo e encerrar mais tarde ? Com que tempo ? É ou não é verdade que parte dos espectadores na Praça do Monte do Mestre Chico (S. Jorge) e na Praça do Monte D`Ajuda (Graciosa) também se senta na Praça Ilha Terceira ?
A solução está então na expansão do fenómeno taurino e tauromáquico noutras ilhas mas não parece que tal se possa concretizar num futuro mais ou menos próximo.
Os exemplos estão aí para demonstrá-lo.
Há três anos (em 2005, concretamente ), as corridas de praça voltaram a Santa Maria -que possui uma tertúlia tauromáquica - e a ilha toda foi aos toiros, 43 anos depois do último espectáculo do género. Mas...atenção... o evento foi suportado por dinheiros públicos (não se pagaram bilhetes, nem transporte e montagem da praça, nem nada, por via das celebrações do Dia da Autonomia!). Entusiasmo e excitação houve-os aos montes. E depois ?
No mesmo ano, o Faial, que já não via toiros de praça há mais de 30 anos, teve montado na praça da Hortaludus um festival com 6 cavaleiros, 2 grupos de forcados, curro de Rego Botelho.
Que aconteceu?
Talvez porque os ingressos eram pagos - má política numa acção de relançamento -a desmontável nem atingiu meia casa. Daí para cá...nada!
Nos tempos actuais, os investimentos a realizar para a expansão do espectáculo taurino (de praça) não são certamente prioritários. Por mais que custe admitir, S. Jorge, Graciosa e Terceira vão manter-se sozinhas na realização de “touradas de praça” por muitos e bons anos. Até porque não bastará dispor dos recintos, fixos ou desmontáveis...
A estas podem muitas outras questões ser acrescentadas. Do ramalhete, a mais visível prende-se exactamente com o ponto fulcral, à volta do qual gira toda a Festa: o Toiro !
Na Região, onde se iria procurar e buscar as reses para esse hipotético aumento de espectáculos taurinos, sabendo-se que, na realidade actual ( 11 Corridas, 2 Festivais e 2 Festivais Infantis em 2008), escasseou o produto com qualidade nas Ganadarias das Ilhas ?
As dúvidas são do próprio Cabo dos Amadores da Tertúlia Tauromáquica Terceirense na entrevista atrás citada. Aliás, cerca de 28% dos toiros corridos nas praças da Região nesta temporada ostentavam ferros e divisas de Ganadarias do Continente.
Para além do tamanho das explorações, da falta de mato e pastagens, das condições climatéricas, há a juntar a tudo isso as doenças e maleitas que teimam em afectar o Bravo, um produto de selecção difícil e onerosa, melhoramento demorado sem garantias de sucesso, a requerer e a juntar a alma e o coração dos ganadeiros aos elevados custos de manutenção e maneio.
São três ou quatro anos de canseiras a criação de um toiro...para sair à Praça 1 tarde...quantas vezes sem qualquer êxito, sem dar a mais pequena alegria !

Mário Aguiar Rodrigues"

setembro 21, 2008

Ortega Cano corta rabo

Foto in MundoToro

A corrida de toiros transmitida ontem em directo pelo canal Andalucia TV, onde tourearam os matadores “semi-retirados” Ortega Cano, Pepe Luis Vásquez e Julio Aparício, foi uma agradável surpresa com a entrega destes toureiros de sempre. Arrimado e com ganas de triunfo, qual novilheiro puntero, esteve o matador de toiros Ortega Cano que brindou os presentes e todos aqueles que assistiam à corrida pela televisão com duas faenas de luxo cortando dois apêndices ao primeiro e duas orelhas e rabo ao seu segundo. Pepe Luis Vasquez não pode brilhar com o pior lote da corrida. Já Julio Aparicio pinchou no primeiro do seu lote não logrando o corte de orelhas, que seriam com todo mérito atribuidas, no último da corrida cortou as duas orelhas numa lide onde mostrou detalhes do seu conceito toureiro e foi eficaz na sorte suprema.
Os toiros de Albarreal foram de bom som no geral, com excepção do segundo e quinto da ordem, sobressaindo o quarto da tarde, sendo lhe foi concedida a volta ao ruedo.
Em suma uma tarde de boas recordações passada em frente do televisor na companhia da estação televisiva mais taurina do mundo. Olé Andalucia TV!

Duarte Bettencourt

setembro 20, 2008

Festa Brava de 20 de Setembro

setembro 19, 2008

Novo Burladero de Setembro

Corrida de Toiros em directo no canal Andalucia TV


A cadeia televisiva autonómica, Andalucia TV, transmite amanhã dia 20 de Setembro, pelas 16 horas e 15 minutos, hora dos Açores, uma Corrida de Toiros na praça de toiros de Espartinas. Lidam-se toiros da ganadaria Albarreal para os matadores José Ortega Cano, Pepe Luis Vázquez e Julio Aparicio.
Os comentários ficam a cargo do crítico taurino Enrique Romero e do matador retirado Ruiz Miguel.

setembro 18, 2008

Escalafon Açoriano - Época Taurina 2008

Festejos
Tourada à Portuguesa - 5
Corrida Mista - 5
Corrida de Toiros - 1
Festival Taurino - 2
Variedades Taurinas - 2

Cavaleiros de Alternativa
Tiago Pamplona - 6
João Salgueiro - 4
Joaquim Bastinhas - 2
João Moura Jr - 2
Gilberto Filipe -2
Marcos Tenório - 2
António Ribeiro Telles -1
Rui Salvador - 1
Rui Fernandes -1
José Manuel Duarte - 1

Cavaleiros Praticantes
Rui Lopes - 7
João Ribeiro Telles Jr - 1

Cavaleiros Amadores
João Pamplona - 6
Alda Maria -1
Filipe Ferreira - 1

Matadores
"El Cid" - 1
"Procuna" - 1
Javier Sollis -1
Javier Valverde - 1
Juan Bautista - 1
Daniel Luque -1
Sanchez Vara - 1

Novilheiro
"Chamaco" - 1

Grupo de Forcados
G.F.A. Tertúlia Tauromáquica Terceirense - 8
G.F.A. Ramo Grande - 5
G.F.A. Lisboa - 2
G.F.A. Turlock - 2
G.F.A. Chamusca - 1

Grupo de Forcados Juvenis
G.F.A. Tertúlia Tauromáquica Terceirense/Juvenis - 2

Praças
Praça de Toiros da Ilha Terceira - 10
Praça de Toiros de São Jorge - 2
Praça de Toiros do Monte da Ajuda – Graciosa - 2
Praça Desmontável - Porto Judeu -1

Ganadarias
Rego Botelho - 27 toiros
Casa Agrícola José Albino Fernandes - 13 toiros
Álvaro Amarante - 8 toiros
David Ribeiro Telles - 6 toiros
Vila Galé - 5 toiros
Irmãos Toste - 5 toiros
Oliveira Irmãos -4 toiros
Conde Cabral - 4 toiros
Herdeiros de Ezequiel Rodrigues - 3 toiros
Duarte Pires - 2 toiros
Humberto Filipe - 2 toiros
João Cardoso Gaspar - 1 toiro
Francisco Sousa - 1 toiro
Ernesto de Castro - 1 toiro
Murteira Grave - 1 toiro
Branco Núncio - 1 toiro

Empresas
Comissão para a Tauromaquia das Sanjoaninas 2007 - 5
Comissão para a Tauromaquia das Festas de Santo Cristo da Graciosa 2007 - 2
Tertúlia Tauromáquica de São Jorge/Semana Cultural de Velas - 2
Cooperativa Praia Cultural/Tertúlia Tauromáquica Praiense/Tertúlia Tauromáquica Terceirense-1
João Duarte - 1
Grupo de Forcados Amadores da Tertúlia Tauromáquica Terceirense/Tertúlia Tauromáquica Terceirense -1
Grupo de Forcados Amadores do Ramo Grande - 1
Comissão de Festas do Porto Judeu - 1
Comissão Organizadora da Tourada dos Estudantes - 1

Piel de Toro - 26 Episódio

Piel de Toro - 25 Episódio

setembro 09, 2008

Corrida dos 35 Anos

Realizou-se ontem, dia 8 de Setembro, na Praça de Toiros Ilha Terceira a Corrida Comemorativa dos Trinta e Cinco Anos do Grupo de Forcados Amadores da Tertúlia Tauromáquica Terceirense. Fizeram as cortesias, por entre actuais forcados, antigos e juvenis, cerca de cinquenta e dois elementos, foi bonito rever fardados forcados como João Hermínio, António Baldaya, António Pontes, Mário Manteiga, Carlos “Texugo”, António Ortins, Hildebrando Ortins, “Xinxas”, Rui Silva, entre outros mais recentes como Luís Filipe, José Luís, Luis “Ramalhete”, Hugo “Maravilhas”, relembrando apenas os que vislumbrei por entre a meia centena de forcados que se fardaram, as minhas desculpas a quem aqui não nomeei, muitos que dos quais se sentaram nas bancadas e que com o seu contributo fizeram com que o grupo chegasse à bonita idade de trinta e cinco anos.
Do cartel faziam parte o escalabitano José Manuel Duarte e os locais Tiago Pamplona, Rui Lopes e João Pamplona, na lide de toiros de sete ganadarias, quatro continentais e três insulares. A concurso estavam as ganadarias de Branco Núncio, Ernestro de Castro, Murteira Grave, Rego Botelho, Casa Agrícola José Albino Fernandes e Vila Galé, extra concurso esteve a ganadaria de Herdeiros de Ezequiel Rodrigues.
Passando a analisar a corrida propriamente dita, tivemos uma noite com poucos motivos a recordar. Começo pela forcadagem pois em dia de festa foram eles os protagonistas. Foram solistas Adalberto Belerique à primeira tentativa numa atitude exemplar de Cabo de Grupo a abrir praça em noite de grande significado, César Fonseca à segunda a aguentar valentes derrotes laterais, fechando-se e bem à córnea, Marco Sousa irrepreensível nas três tentativas que teve de executar por falta de ajuda do seu grupo, José Vicente à primeira na pega da noite com o toiro a fugir ao grupo com o forcado bem fechado à córnea, Décio Dias à segunda corrigindo os erros da primeira tentativa em que este um pouco tardo no alegrar do toiro reunindo mal, Helénio Melo à quarta a dobrar João Pedro Ávila, numa pega onde a qualidade do toiro não permitia sequer a sua consumação e onde a desorientação do grupo foi de tal forma notória que o toiro foi agarrado estando a formação, pasme-se, composta por dez elementos tendo saltado à arena outros cinco, para não dizer mais, com a porta dos curros aberta e com o Director de Corrida a mandar recolher o toiro, uma nódoa numa noite de excelentes pegas e outras tantas boas ajudas, por último pegou Álvaro Dentinho à primeira com o toiro a viajar por entre o grupo.
Quanto às lides, na primeira José Manuel Duarte esteve correcto nos compridos, já com os curtos esteve vulgar não dominando o centro da sorte cravando quase sempre a cilhas passadas, sendo contudo a lide possível ao invalido e manso Núncio, no seu segundo com ferro Rego Botelho, um toiro que não rompeu, o cavaleiro de Santarém cravou dois compridos de boa nota, destacando-se nos curtos o primeiro e o terceiro da ordem pela forma como atacou de forma recta o oponente cravando ao estribo arrematando a sorte como mandam os cânones.
A noite esta foi de Tiago Pamplona, a sua primeira lide foi também a possível com o boi da ganadaria de Ernestro de Castro, um manso perdido que apenas deixou cravar a ferragem da ordem por ter uma pequena mangada na altura da reunião, a juntar a isso o toiro saiu inválido dos curros onde teve de passar cinco dias, mas a isso farei referência mais à frente. Mas a noite sorriu para o jovem Tiago ao receber o bravo toiro da ganadaria da Casa Agrícola José Albino Fernandes, uma lide acertada nos compridos lidando e cravando de alto a baixo destacando-se o terceiro de praça à praça, o ferro da noite, nos curtos o cavaleiro da Quinta do Malhinha esteve num bom nível finalizando a lide com um soberbo ferro de palmo.
Rui Lopes enfrentou o pior lote da noite, o primeiro de Murteira Grave era manso e descaia para terrenos de tábuas, tinha muito sentido e carregava forte na montada a seguir à consumação da sorte, o segundo um toiro de Vila Galé de comportamento atípico, foi um manso perdido e com arrancadas muito violentas. Sem matéria prima é impossível bordar toureio, o cavaleiro de “oIlhéu” esteve sempre por cima dos dois oponentes, onde o esforço na realização das lides foi compensada pelo reconhecimento do público.
O amador João Pamplona lidou extra concurso e deveria ter sido também extra corrida conforme o Regulamento Tauromáquico em vigor, um novilho dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues, João andou desembaraçado nos compridos e cumpriu sem romper no segundo tércio.
Um concurso de ganadarias tem por obrigação ser uma manifestação de bravura e apresentação dos toiros das casa ganadeiras presentes, o de ontem foi única e exclusivamente uma limpeza de currais, excepção feita aos toiros apresentados pelas ganadarias terceirenses, com destaque para o toiro Orpheu, o número 178 da Casa Agrícola José Albino Fernandes, o melhor toiro para cavalo da temporada taurina terceirense. É certo que em fim de temporada seja complicado arranjar um curro completo na nossa Ilha Terceira, mas se se tem organizado a corrida com maior antecedência, os nossos toiros teriam de certeza melhores condições de lide. A primeira parte da corrida foi uma mansada geral, com os toiros a acusarem cinco dias de viagem e outros tantos fechados nos curros da praça, daí a invalidez do primeiro e segundos toiros da corrida. O toiro lidado em sexto lugar com o ferro de Vila Galé tinha rumado às ilhas açorianas com destino final à Ilha Graciosa, tendo sido nesta preterido para sobrero. Rumou depois à Ilha de Jesus Cristo para demonstrar a todos os aficionados presentes que a nossa camada brava está uns furos acima de algumas camadas de bravo do nosso rectângulo à beira mar plantado.
Quanto a prémios tivemos com toda a justiça o prémio apresentação entregue ao toiro Bailado com o ferro Vila Galé e sem sombra de dúvidas e sem protestos o prémio bravura ao toiro Orpheu da Casa Agrícola José Albino Fernandes, casa esta que atravessou durante toda esta época um excelente momento ganadeiro. Parabéns ao ganadeiro.
Assim terminou mais uma época taurina açoriana. Pró ano, com’outro que diz, há mais.

Duarte Bettencourt


Fotografias de Duarte Bettencourt à excepção da do cavaleiro José Manuel Duarte da autoria de Francisco Romeiras publicada no site Tauromania

setembro 08, 2008

Corridas dos 35 anos, adiada

A Corrida Comemorativa dos 35 anos de existência dos Amadores da Tertúlia Tauromáquica Terceirense foi adiada para hoje dia 8 de Setembro, devido a condições climatéricas adversas. A mesma realiza-se hoje pelas 21 horas com a presença dos cavaleiros José Manuel Duarte, Tiago Pamplona, Rui Lopes e João Pamplona que lidará um novilho de Ezequiel Rodrigues extra concurso. Concurso este que inclui toiros das ganadarias de Branco Núncio, Ernestro de Castro, Murteira Grave, Rego Botelho, Casa Agrícola José Albino Fernandes e Vila Galé. As pegas estarão a cargo do Grupo aniversariante.

setembro 03, 2008

"João Pamplona presta provas em Sousel"

in Toureio

"Realiza-se no próximo dia 28 de Setembro, na localidade alentejana de Sousel, uma corrida de touros á portuguesa, por ocasião da Feira de São Miguel.

Em praça irão estar os cavaleiros Joaquim Bastinhas, Francisco Cortes, Marcos Tenório, Tiago Carreiras e ainda João Pamplona, que prestará prova de praticante.

As pegas estarão a cargo dos Forcado Amadores de Alter-do-Chão e Académicos de Elvas, quanto aos touros estão ainda por designar."

setembro 01, 2008

Agenda da Tourada à Corda - Setembro

1 de Setembro
Vila Nova
Toiros da Casa Agrícola José Albino Fernandes

2 de Setembro
Raminho
Vacas de Humberto Filipe

Cabo da Praia
Vacas de Humberto Filipe

Terreiro Santo
Vila Nova
Toiros de Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

São João de Deus
Conceição
Toiros de Humberto Filipe

3 de Setembro
Raminho
Toiros de Humberto Filipe

Santa Barbara
Toiros da Casa Agrícola José Albino Fernandes

Cabo da Praia
Toiros de Humberto Filipe

Vila Nova
Toiros da Casa Agrícola José Albino Fernandes

4 de Setembro
Raminho
Toiros de Humberto Filipe

Cabo da Praia
Toiros de Humberto Filipe

6 de Setembro
Santa Bárbara
Toiros da Casa Agrícola José Albino Fernandes

Bravio
São Mateus
Toiros de Eliseu Gomes

Ladeira da Quinta
Porto Judeu
Toiros de Daniel Nogueira

Cabo da Praia
Toiros de Manuel João Rocha

Bravio
São Mateus
Toiros de Eliseu Gomes

7 de Setembro
Cinco Ribeiras
Toiros de Daniel Nogueira

Rua dos Galinheiros
Vila Nova
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

Cabo da Praia
Toiros de David Ribeiro Telles

8 de Setembro
São Bartolomeu
Vacas dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

9 de Setembro
Altares
Vacas dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

Santa Luzia
Santa Cruz
Vacas de Humberto Filipe

10 de Setembro
Altares
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

Santa Luzia
Santa Cruz
Toiros de Humberto Filipe

11 de Setembro
Altares
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

Santa Luzia
Santa Cruz
Toiros de Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

12 de Setembro
Ribeira Seca
São Sebastião
Toiros de Humberto Filipe

13 de Setembro
Ribeira Seca
São Sebastião
Toiros de Humberto Filipe

Terreiro
São Bartolomeu
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

Desterro
Conceição
Toiros da Casa Agrícola José Albino Fernandes

Rua Picão
Lajes
Toiros de João Cardoso Gaspar

Cruzeiro
Agualva
Toiros de Francisco Gabriel

14 de Setembro
Vinha Brava
Conceição
Toiros de Rego Botelho

Estrada 25 Abril
Santa Cruz
Toiros de Humberto Filipe

15 de Setembro
Lapinha
Conceição
Toiros de Rego Botelho

Penha de França
São Pedro
Toiros de Humberto Filipe

Praça
Serreta
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

17 de Setembro
Serreta
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

20 de Setembro
Serretinha
Feteira
Toiros de Rego Botelho e Casa Agrícola José Albino Fernandes

Terreiro
S. Mateus
Toiros da Casa Agrícola José Albino Fernandes

Arrebalde
São Sebastião
Toiros da Casa Agrícola José Albino Fernandes

Amoreiras
Santa Cruz
Toiros de Humberto Filipe

21 de Setembro
Refugo
Porto Judeu
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

Rua Ramo Grande
Lajes
Toiros de Humberto Filipe

22 de Setembro
Biscoitos
Toiros de Rego Botelho, Casa Agrícola José Albino Fernandes, Herdeiros de Ezequiel Rodrigues e Humberto Filipe

23 de Setembro
Pesqueiro
São Bartolomeu
Toiros de Humberto Filipe

Porto Martins
Vacas da Casa Agrícola José Albino Fernandes e Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

Praça
Biscoitos
Vacas dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

Biscoitos
Toiros da Casa Agrícola José Albino Fernandes e Humberto Filipe

24 de Setembro
Porto Martins
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

25 de Setembro
Biscoitos
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

Porto Martins
Toiros da Casa Agrícola José Albino Fernandes

27 de Setembro
Canada das Mercês
Feteira
Toiros de Humberto Filipe

Rua Boiões
Biscoitos
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

Canada do Serra
Porto Martins
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

28 de Setembro
Canada das Mercês
Feteira
Toiros da Casa Agrícola José Albino Fernandes

Porto Martins
Toiros de Humberto Filipe

Porto
Biscoitos
Toiros de João Cardoso Gaspar

Serra Santiago
Lajes
Toiros dos Herdeiros de Ezequiel Rodrigues

29 de Setembro
São Carlos
São Pedro
Toiros de Rego Botelho, Casa Agrícola José Albino Fernandes, Humberto Filipe e Francisco Sousa

30 de Setembro
Figueiras do Paim
Santa Cruz
Vacas da Casa Agrícola José Albino Fernandes