fevereiro 04, 2011

Dicionário Taurino

Anteado: Rês com pelagem colorau, cor de pêssego ou castanha clara, que apresenta manchas circulares.

Añadido: Porção de pelo, normalmente chamada de coleta, que é presa ao cabelo do toureiro por um alfinete. Esta era formada pelo cabelo dos próprios toureiros até cerca de 1920, caindo depois em desuso.

Añojo: Rês que tem um ano.

Aparejado: Toiro malhado, cuja coloração branca percorre a espinha dorsal em toda a sua longitude.

Apoderado: É aquele que tem poderes para representar o toureiro na sua contratação para os espectáculos taurinos.

Aprende: Diz-se quando a rês brava memoriza algo, desenvolvendo esta memória durante a lide.

Arenero: Moço encarregado de cuidar do piso da arena durante o festejo.

Armado: Diz-se bem armado o toiro cuja cornamenta é bem desenvolvida, pela sua longitude, grossura e inserção.

Arreglar: Manipulação considerada fraudulenta quando o gado é para a l ide ordinária, que consiste em alterar as condições íntegras das hastes para lhes dar forma pontiaguda ou cortar a ponta das mesmas. O mesmo que afeitar.

Arromerado: Toiro de cor cárdena muito clara.

Aspero: Toiro de bravura seca, áspera.

Astiblanco: Toiro cujas hastes são de cor branca desde a cepa até ao começo do piton.

Astifino: Toiro cujas hastes são finas desde a cepa, continuando finas no seu percurso, terminando em pitons bem afiados.

Astigordo: Toiro cuja base da haste é larga e volumosa reduzindo de forma pouco gradual terminado num piton pouco agudo.

Astillado: Toiro com um piton estilhaçado em sentido longitudinal.

Astillano: Toiro cujas hastes se desenvolvem ao mesmo nível desde a cepa, nem até acima, nem até abaixo.

Astinegro: Toiro cujas hastes são de cor escura ou negra, desde a cepa até ao piton.

0 comentários: